06 novembro 2010

Posso confessar uma coisa? Tenho medo.
É crime? Parece mal? Perdoem-me, mas tenho medo. És estranho (muito estranho aliás), confundes-me a cada palavra que me fazes chegar aos ouvidos. Dizes que amas, que precisas e estás confuso? Eu juro que não percebo e, sinceramente nem sei se alguma vez quero perceber os homens. Para quê? Para me magoar mais? (mais ainda).
Não sei o que nos liga àqueles seres, não sei o que faz com que nós, mulheres, façámos coisas que nunca na vida pensavamos que alguma vez iríamos fazer ou mesmo suportar! Já te dei milhares e milhares de provas. És capaz de me dizer o que nos falta? Só te peço boas notícias.
Tenho medo fogo, tenho medo.

7 comentários:

rita disse...

seja qual foi a reposta dele, vais conseguir ultrapassar tudo. e tu és linda, e não mereces nada de mal, e já sabes eu vou estar sempre aqui. SEMPRE (LLL)

Jude disse...

o medo é uma auto protecção que todos temos, mas não deixes que essa "protecção" te impeça de arriscares e aproveitares a vida
<3

Sofiiiia disse...

É tão normal ter medo. E se já lhe deste provas, se ele diz que te ama mas ao mesmo tempo está confuso, então aí é ele que é incompreensível, não tu. Mas não deixes que ele te magoe nem que brinque contigo! Seja qual for a decisão, estou aqui sempre (L)

Mariana disse...

ter medo é um sentimento tão natural ..

Catarina disse...

como concordo . força (:

Sara Almeida disse...

os fortes têm sempre algum receio. ivone, está lindo! :)

joana disse...

força nisso, gosto.