12 novembro 2011

Peço desculpa pela ausência, peço mesmo. O tempo que me sobra é pouco e a vontade de aqui vir é ainda menor, por ver que tenho por aqui tantas recordações que terei, com certeza de esquecer. Apenas vos digo, que se há amor apenas sintam e que se há vida apenas vivam, calmamente, aproveitando cada momento como se fosse o último das vossas vidas. É inútil tentar explicar tal coisa, mas saberão o que fazer quando estiverem a vivê-lo, um momento repleto de magia. Saberão. Lembra-te de como nos salvámos do escuro. Disso eu não vou abrir mão. Nós não temos de ficar sozinhos, não... não. Fecha os olhos, acredita, respira lentamente e, esboçando um sorriso... deixa tudo derramar. Abraça-te a ti mesma. Seguir com a minha vida -o que quer que seja que isso signifique- é o que vou, certamente, fazer. Felizes. Sejam felizes. 

5 comentários:

ines disse...

Sê feliz Ivone

disse...

és única, já sabes tudo o que penso ♥

mary disse...

sê feliz. e tens um cabelo e um sorriso magnifico.

Agostinho Barros disse...

ADORO *_*, a seguir o blog (: , segues.me ? só se gostares :)

Esther disse...

nem me digas nada. era o medo se a cabeça afectasse o coração..
estás linda:) keep smiling